Kyphi

IMG_9890.jpg
flowers-22.png
colibri%CC%81-31_edited.png
flower-20_edited.png
flowers-21.png
flowers-13.png

Botica do perfume

 A KYPHI – Botica do Perfume, nasceu da paixão de fazer perfumes como antigamente dentro do conceito de perfumaria de antiquário, artística, artesanal e customizada com a história e preferencias individuais, pelo respeito a liberdade de ser e sentir, onde emoções e sentimentos  são a inspiração para criação de um perfume com alma. 

historyofaromatherapy-31suzsqb3hlhwyfhvy

Significado da palavra 'KYPHII' é uma transliteração grega da palavra egípcia 'kp.t'.

O significado da palavra kp.t - ou Kapet - é traduzido como 'grãos' como uma referência direta ao incenso e 'piscina' (espelho), com significado literal de: “grãos de reflexão”, provavelmente fazendo referência aos deuses refletindo sobre seus seguidores, ou os seguidores refletindo sobre seus deuses.

Significado de KYPHI:
Perfume sagrado dos egípcios, sendo considerado como “o suor dos deuses” ou “perfume dos deuses”. 

A KYPHI, conecta ao divino e semeia grãos de reflexão para serem cultivados e florescerem em virtude, autoconhecimento e transformação.

Inspirados pela natureza e pela ancestralidade que compomos a arte genuína de transformar ingredientes naturais em fragrâncias sublimes, para eternizar histórias, sonhos e desejos em uma experiência única. 

varios-43.png

Conheça nossa linha de perfumes KYPHI

kyphi_edited.jpg

Veja a história do KYPHI no meu BLOG

 

Perfumista. Sempre em conexão com a natureza...

IMG_9878.jpg
home_-13.png

Gisele Maletta

Perfumista de Atelier

Eu cresci envolta pelos  aromas das flores, das plantas e dos quitutes da minha mãe, Terezina Maletta, filha de italiano; adorava fazer massas e panetones que exalavam cheiro de natal pela vizinhança... Mas o que ela mais gostava de fazer, era e de pôr a "mão na terra!" de semear, plantar, cultivar e multiplicar... é o seu dom! A produção era tanta que ela decidiu abrir uma Flora no Bairro Serra em Belo Horizonte nos anos 80 – "Orvalho Flora e Artesanato". Adorava ser sua ajudante com os arranjos de flores só para sentir o cheiro de jasmim que me fazia suspirar... ah as rosas exalavam amor mas pedia atenção para  não me ferir com seus espinhos... e o alecrim? era só alegria.! esses são alguns dos cheiros que quando sinto,  imediatamente me transporta para minha infância - sim este é um dos poderes da nossa memoria olfativa.

Já o meu pai, Obed Marra, um artista, artesão de mão cheia! lapidava pedras preciosas como ninguém, habilidade manual herdada da família de artistas... quando me lembro dele e de seus olhos cor de esmeralda, sinto o cheiro de pedra molhada... posso escutar o som do esmeril rolando na agua que tilintava a transformação de uma pedra bruta em esculturas minimalistas de facetas reluzentes que faziam meu olhar brilhar como uma joia rara, assim era chamada por ele...

Acabei não seguindo os passos da minha mãe como florista, e nem do meu pai como pedrista, mas de certa forma ainda sigo no caminho das plantas, dos aromas e dos minerais... Em 1990 me formei em acupuntura, farmacologia e dietética chinesa através de diversas viagens  à China ao longo de 20 anos; e as plantas medicinais, chás, as tinturas, extratos, emplastos e óleos medicados, estavam lá mas com um outro propósito, para o preparo das receitas medicas, nas farmácias tradicionais chinesas, onde o cheiro da torra e cozimento das ervas permeava  Tong Ren Hospital em Beijing. Depois me casei, me tornei empresária, administradora na área do ensino e da saúde, gerindo  os negócios na área acadêmica das medicinas tradicional chinesa, terapias integrativas e laboratório de manipulação de fitoterápicos, que se mantém até os dias de hoje.

Em uma fase de transição pessoal, precisei fazer algumas mudanças na minha vida e imergi por 4 anos nos estudos e retiros no Budismo e na Medicina Tibetana e Ayurveda, recebendo transmissão direta de grandes mestres sobre espiritualidade, meditação, arte e auto cuidado; uma investigação sobre mim mesma, minhas escolhas e propósito de vida... e as ervas medicinais, óleos medicados, aromas,  minerais (pedras) e a sabedoria ancestral sempre  presentes na minha jornada.

 

E foi no meio deste trabalho de investigação e de entendimento pessoal, que a alquimia e os perfumes fizeram o lapidar da minha essência! E assim investi nos estudos, cursos e pesquisas sobre a arte da perfumaria natural, que foi o ponto de mutação e de integração entre os meus conhecimentos das medicinas ancestrais  com a perfumaria natural.

Um resgate de alma!  fazer perfumes não é trabalho para mim é uma maneira de me expressar e de compartilhar  a minha essência. 

home_-16.png

O Atelier Kyphi

 

É nas montanhas de Minas Gerais junto à Mata do Jambeiro que está localizado a KYPHI – BOTICA DO PERFUME, meu laboratório e atelier de perfumes; onde também resido e cultivo meu jardim de flores, plantas aromáticas e medicinais que utilizo na preparação de algumas matérias primas, como tinturas aromáticas, extratos e macerados que darão vida (cor e energia) aos elixires, unguentos, balsamos e perfumes botânicos.

Kyphi_w-02.png

“Adoro ser Cupido e ver o amor se revelar no encontro de essências.”

Gisele Maletta